quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

...


A todas as mulheres... a todos os homens, às crianças e aos animais...
À minha família, aos amigos, aos colegas, aos meus amores, às minhas paixões...
Às coisas Belas e menos belas, a todos com quem me fui cruzando e a todos os que me vão aturando!
Aos visitantes do Blog(ue) e até aos que desconhecem a sua existência...
A todos Vocês, eu desejo um Feliz ano de 2009!
Com tudo aquilo que mais desejam e com aquilo que o Pai Natal se esqueceu de deixar no sapatinho!

terça-feira, 30 de dezembro de 2008

1998

1998...




ERA...

Meus amigos, estou de volta à franja (10 anos depois!)...

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

BSO # 2

Porque os amigos são mais do que muitos (e ainda bem), uma nova BSO surgiu!

Depois de alguns desentendimentos e ânimos alterados,


Luís: The Story - Brandie Carlile


Obrigada, e ainda bem que as nossas zangas são "sol de pouca dura" !

BSO 2008

À semelhança de anos passados, o grupinho das noites maléficas (este ano com 3 pessoas novas: Sara, João, Jota), preparou as BSO's para trocar em noite de Passagem de Ano!

Acontece que, este ano, a curiosidade foi mais que muita e antecipamos esta nossa troca...

Portanto, aqui fica a BSO 2008 dedicada à minha pessoa:


  1. André G.: No Regrets - Robbie Williams (live at knebworth)
  2. Marta: Faz-me Um Sinal - Pólo Norte
  3. Gustavo: Don't Worry, Be Happy - Bobby McFerrin
  4. André: I Kissed a Girl - Katy Perry
  5. Gabriel: Promise Me - Beverley Craven
  6. Mariana: La Solitudine - Laura Pausini
  7. Isa: Intervalo - Per7ume & Rui Veloso
  8. Jonas: Kiss - Prince (Ricardo Soler & Jonas Lopes Versão)
  9. Sara: I Have Nothing - Whitney Houston
  10. Rafael: Rehab - Amy Winhouse
  11. Tânia:No Me Platiques Mas - Luis Miguel
  12. João: Se Eu Fosse Um Dia O Teu Olhar - Perdo Abrunhosa
  13. Samuel: The Man Who Can't Be Moved - The Script
  14. Jota: Jardins Proibidos - Paulo Gonzo e Olavo Bilac (live)
  15. Ana: No Air - Jordin Sparks feat. Chris Brown
  16. Dandy: Friday I'm In Love - The Cure

Ora, a todos vocês, se dirige o meu agradecimento.

Esta é, sem dúvida, a melhor BSO em 5 anos!

Nota: Quero avisar, publicamente, o responsável pela foto de capa que vai pagar caro!

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

domingo, 21 de dezembro de 2008

Férias

O cansaço é mais que muito.
Nem tanto o físico (que também o há), mas sobretudo o emocional!
Ando cansada de todas estas emoções que se confundem e me confundem. Dos sentimentos controversos que me deixam esgotada. Das palavras que magoam tanto...
Estou, definitivamente, a precisar de férias.
Férias do ISCSP, férias da confusão, férias das pessoas, férias de mim mesma!
Bem, as do ISCSP já cá cantam, assim como as de algumas pessoas....faltam as férias que me vão dar mais gozo, aquelas férias em que tudo se vai tornar mais claro, onde se vão recarregar baterias, onde vou passar a ser mais eu!

domingo, 14 de dezembro de 2008

Salvem os Ricos - Os Contemporaneos

Chorar a rir, para não chorar de vergonha (do estado deste país)!

perndas de Natal

Ora, diz quem sabe (ou não) que este natal vou receber de prenda um Fabuloso Automóvel.

Perante isto, algumas questões:

1. Quem é que ganhou o euro milhões e não me disse nada?

2. Poque é que, primeiro, não me oferecem a carta de condução?

3. Por acaso sabem qual é aquele pópó que habita nos meus sonhos?

4. É de mim, ou a Rádio Comercial não acertou?!

:D

sábado, 13 de dezembro de 2008

J(ota)

Na mão trazia o cigarro, seu companheiro de alguns anos, com a outra, livre, abriu a pesada porta para que finalmente, ao ar livre, pudesse matar o vício.
O olhar distante, esverdeado pelo sol, mantinha-se sereno, como em todos os dias. A brisa, suave, afagava-lhe a pele morena e levava o fumo que deixava escapar do seu cigarro.
Lentamente, caminhou, como que se arrastando, em direcção a um dos muros, onde se apoiou. Não era um dia fácil, aquele. Ao contrário de quase todos os dias, a sua boa disposição matinal deu lugar a uma total e absoluta depressão.
Fui para perto DELE. Com o volume mais baixo que a minha voz permitiu, disse-lhe olá. Retribuiu-me com um sorriso e um Bom Dia na sua voz tabágica e rouca, que como sempre me arrepiou.
Cedo percebi que o silêncio ia imperar. Tinha tanto para lhe dizer, mas perante tal situação não fui capaz de o fazer (não por falta de coragem, mas porque percebi que devia ser ELE a quebrar o silêncio).
Também ELE percebeu, pouco tempo depois, que aquela situação era insustentável e por isso voltou a sorrir e num bafo último do seu cigarro disse, por entre os dentes, que nos devíamos sentar. E assim foi.
Sobre a mesa os cafés iam arrefecendo. Esperei que surgisse tema de conversa e quando surgiu, limitei-me a ouvir, só no fim falei.
Enquanto ouvia, observava-o. As suas mãos, gigantes com dedos igualmente grandes e finos, tremiam (presumi que tem o hábito de roer as unhas, já que as vi num estado lastimável) e os seus olhos piscavam de forma repetida. A barba rala fica-lhe melhor, pensei, já que não a estava a usar.
No fim, já ao som de uma música, da qual sempre gostei, prometemos um ao outro esquecer aquela conversa. Por coincidência, ambos começamos a trautear a mesma música e de repente estávamos a cantar como se não houvesse amanhã...
E aí, sim, os seu sorriso, aquele que irradia felicidade e nos aquece a alma,aquele sorriso de criança inocente, surgiu naturalmente!
A despedida veio para os dois, assim como para o seu dia cinzento...





quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Friends

Já se passaram 3 anos desde o dia em que te conheci...
Chegas-te a medo no meio de uma aula de Educação Física. Rapidamente, aproximaste-te de mim para me fazer uma qualquer pergunta sem importância e depois de alguns minutos ficamos ali em conversa de circunstancia...
Com o tempo, as conversas de circunstancia foram cedendo espaço para conversas mais pessoais e pouco depois já andávamos com as nossas filosofisses...
Passados uns dias, fiquei a saber que moravas na mesma terrinha que eu. Como foi possível viver a dois passos da tua casa e nem sequer saber que existias?!

Essa tua singular forma de ser, nem sempre trouxe facilidades à nossa relação (bem como a minha, admito que tenho um feitiosinho muito especial), mas sempre soubemos superar as zangas, as birras os confrontos e tudo o resto...

As afinidades são mais que muitas, as discórdias também. Acho até, dever-se a esse facto a nossa tão saudável amizade.

As divagações e dissertações sobre Histórias e estórias, as brincadeiras parvas, as conversas intelectuais, os trabalhos de grupo que não fazíamos (porque nunca o conseguimos fazer juntos), os ataques de riso, a galhofa das aulas de E.F., as cenas deprimentes na Vila, os almoços (nas Galerias, na mãe do "Brasileiro", na Jolima....), as idas ao cinema e às compras, os interesses comuns e tudo o resto que agora servem apenas de pretexto para nos metermos na vida um do outro, porque já não pedimos autorização para entrar, temos confiança mais do que suficiente, para o fazermos.

E hoje, com mais de 350 km de distancia, soube-me tão bem uma palavra tua (ainda que através do msn).

A TUA amizade faz-me bem!

OBRIGADA POR TUDO!

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Beleza?!

video

Porque às vezes precisamos de um abanão da vida, para acordar!

*

Porque as pessoas não têm que ser todas iguais (e ainda bem que não), fico feliz por ser diferente .
Fico mais feliz ainda quando aceitam essa diferença, mas a minha felicidade atinge o seu auge quando essa diferença é compreendida (mesmo que não seja aceite).

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Rosa Branca


Por muito tempo achei que a ausência é falta.

E lastimava, ignorante, a falta.

Hoje não a lastimo.

Não há falta na ausência.

A ausência é um estar em mim.

E sinto-a, branca, tão pegada, aconchegada nos meus braços,

que rio e danço e invento exclamações alegres,

porque a ausência, essa ausência assimilada,

ninguém a rouba mais de mim.


Carlos Drummond de Andrade



Porque tu não estás ausente em mim, porque percebo, agora, que estás sempre comigo e o teu calor continua a aquecer o meu coração...

A rosa simboliza o dia que não pude estar contigo e o poema é dedicado a ti!

domingo, 7 de dezembro de 2008

Programa infantil

Domingo.
Ao contrário de (quase) todos os outros acordei cedo! Não há nada para fazer, portanto toca a ver desenhos animados na companhia da sobrinha (sim, este fim de semana é tempo para matar saudades!)

Os desenhos animados acabam e eis que surge o programa infantil "Lucy" e, como não havia nada melhor para fazer, toca a papar esse progarma também!

Agora espantem-se, porque eu fiquei em estado de choque!

Mas que raio de programa infantil é este em que a apresentadora anda meia descascada (vá lá, hoje até estava compostinha) e canta nada mais nada menos do que "Lady Marmalade" das poderosíssimas LaBelle!

Proíbam as vossas crianças de ver essa "coisa" a que chamam programa infantil, se fazem o favor!

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

eterno...

Li, algures num blog(ue) que passei a visitar frequentemente, algo que me comoveu (o que não é muito difícil, dado o meu estado de espírito):
"Dizem - me que morreste, insistem nessa tolice.
Mal sabem eles que o amor eterno existe e que vai muito para além desse pormenor da morte."
Ao ler isto fico completamente desarmada (e as lágrimas, essas correm cara a baixo). No pensamento, vários rostos. Há um que se destaca, o seu pai!

(e as lágrimas correm mais, e o coração fica em frangalhos...)

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Monstro das Bolachas

Cá em casa há pacotes e pacotes delas.

Podes ficar com todas. Eu dou-tas, são tuas!

Mas fala comigo. Tenho tantas saudades tuas!





[meu] Monstro das bolachas!



sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Digo eu...

Parece-me que estamos numa tentativa desesperada de iludir as pessoas sobre a sua real situação (de vida).
Não é por nada, mas não seria muito mais fácil se, sem rodeios nem meias palavras, fossem ditas as coisas tal qual elas são?!
Se calhar até era melhor, digo eu...

domingo, 23 de novembro de 2008

Natal






Dizem que o Natal está a chegar...


Esta época (natalícia) é particularmente aborrecida para mim. Deixou de ser uma das épocas mais felizes da minha vida, para se tornar naquele dia que deveria ser abolido do calendário.


Tornou-se numa época de consumo exacerbado. Não se oferecem presentes; trocam-se.


Acho, que desde que me apercebi de que realmente o Pai Natal não existe (o que no fundo sempre soube, mas recusava-me a aceitá-lo), que esta época perdeu a magia de que tanta gente fala.

E desengane-se quem pensa que é por causa das prendas. Apenas gostava da ideia de que existia um senhor com idade para ser meu avô, de barbas e cabelo brancos, com uma barriga proeminente que todos os anos se vestia de vermelho e resolvia espalhar um bocadinho de felicidade a todos os seres que habitam este mundo...



sexta-feira, 21 de novembro de 2008

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

RSF#

É frustrante quando as palavras teimam em não sair, muito mais quando temos tanto para dizer!

Queria dizer-te tanto...e no fundo bastava poder abraçar-te! Sempre nos entendemos sem falas. Os gestos, os olhares, os sorrisos eram suficientes.

Sinto falta da nossa cumplicidade...

Tinhas o dom de me fazer feliz... Sem qualquer problema, sem as mesquinhices! E era tão bom assim...

Queria ter dito mais alguma coisa! E mais outra, e outra...e tantas mais! Sinto que tudo ficou por dizer...

Olhando para trás, os (muito poucos) dias em que nos fizemos companhia foram bons. Não me queixo! Queria, apenas, ter a oportunidade de voltar a vivê-los!

Começo a perder a esperança de que (tal como prometemos um ao outro) me venhas puxar pelo pé...

Ficarás sempre na minha memória....e no meu coração!

quarta-feira, 19 de novembro de 2008

Nelly Furtado & Pedro Abrunhosa - Tudo o que te dou

Este senhor, admiro desde que me entendo por gente!

A Nelly...bem, eu gosto da Nelly! Aliás quase fui obrigada a gostar , não é GAB.?? (e nos últimos tempos, uma pessoa por quem já nutro um grande carinho, tem-me vindo a mostrar o seu outro lado, o que faz com que goste mais da rapariga!)

A música... a música é qualquer coisa!

AMO!

segunda-feira, 17 de novembro de 2008

QUE DEUS???

Como já é de conhecimento público, a pessoa que por aqui escreve é viciada em música! Isso não é novidade, a novidade é que agora se lembrou de escrever sobre as músicas que ouve (na verdade, sempre o fiz, a diferença é que agora escrevo para um público).
Sempre tive uns gostos estranhos, dizem, mas, gostos são gostos e os meus são sagradinhos (para mim, claro). Ouvia eu a música "Que Deus" desse grande Boss AC, quando, e sem espanto algum, desato em choradeira parva!
Porquê? (perguntam vocês)
Muito simples, ora vejam:
Há perguntas que têm que ser feitas

Quem quer que sejas, onde quer que estejas
Diz-me se, é este o mundo que desejas?
Homens rezam acreditam, morrem por ti
Dizem que 'tás em todo o lado, mas não sei se já te vi
Vejo tanta dor no mundo, pergunto-me se existes
Onde está a tua alegria, neste mundo de homens tristes?
Se ensinas o bem, porque é que somos maus por natureza?
Se tudo podes, porque é que não pões comida à minha mesa?
Perdoa-me as dúvidas, tenho que perguntar
Sou o teu filho e tu me amas, porque é que me fazes chorar?
Ninguém tem a verdade, o que sabemos são palpites
Sangue é derramado, em teu nome é porque o permites
Se me deste olhos, porque é que não vejo nada?
Se sou feito à tua imagem, porque é que eu durmo na calçada?
Será que pedir a paz entre os Homens, é pedir demais?
Porque é que sou discriminado, se somos todos iguais?
Porquê?

REFRÃO:
Porque é que os Homens se comportam como irracionais?
Porque é que guerras doenças matam cada vez mais?
Porque é que a paz não passa de ilusão?
Como pode o Homem amar com armas na mão?
Porquê?
Peço perdão pelas perguntas que tem que ser feitas
E se eu escolher o meu caminho será que me aceitas?
Quem és tu? Onde estás? O que fazes? Não sei
Eu acredito é na paz e no amor

Por favor, não deixes o mal entrar no meu coração
Dou por mim a chamar o teu nome, em horas de aflição
Mas, tens tantos nomes, és Rei de tantos tronos
Se o Homem nasce livre, porque é que alguns são donos?
Quem inventou o ódio? Quem foi que inventou a guerra?
Às vezes acho que o inferno, é um lugar aqui na Terra
Não deixes crianças, sofrer pelos adultos
Os pecados são os mesmos, o que muda são os cultos
Dizem que ensinaste o Homem a fazer o bem
Mas no livro que escreveste, cada um só lê o que lhe convém
Passo noites em branco, quase sem dormir a pensar
Tantas perguntas, tanta coisa por explicar
Interrogo-me, penso no destino que me deste
E tudo o que me acontece, é porque Tu assim quiseste
Porque é que me pões de luto e me levas quem eu amo?
Será que é essa a justiça pela qual eu tanto reclamo?
Será que só percebemos quando chegar a nossa altura?
Se calhar desse lado está a felicidade mais pura
Mas se nada fiz, nada tenho a temer
A morte não me assusta, o que assusta é a forma de morrer

REFRÃO:

Porque é que os Homens se comportam como irracionais?
Porque é que guerras doenças matam cada vez mais?
Porque é que a paz não passa de ilusão?
Como pode o Homem amar com armas na mão?
Porquê?
Peço perdão pelas perguntas que tem que ser feitas
E se eu escolher o meu caminho será que me aceitas?
Quem és tu? Onde estás? O que fazes? Não sei
Eu acredito é na paz e no amor

Quanto mais tento aprender, mais sei que nada sei
Quanto mais chamo o teu nome, menos entendo o que chamei
Por mais respostas que tenha, a dúvida é maior
Quero aprender com os meus defeitos, acordar um homem melhor
Respeito o meu próximo, para que ele me respeite a mim
Penso na origem de tudo, e penso como será o fim
A morte é o fim ou é um novo amanhecer?
Se é começar outra vez, então já posso morrer

MADREDEUS:

Ao largo, ainda arde
A barca, da fantasia
O meu sonho acaba tarde
Acordar é que eu não queria
Como diria o POVO: " Para bom entendedor, meia palavra basta!"

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Saudades

Tentei escrever qualquer coisa mais bonita e pomposa, que exprimisse o meu estado de espírito neste momento, mas não me pareceu ser suficientemente real!
SAUDADES é o que sinto!
De TUDO e de TODOS!

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Choradeiras

Ultimamente tenho andado muito ranhosa!

Não é normal (não em mim) chorar baba e ranho ao ouvir uma música, ou ao ver um filme desses banais e sem apelo ao sentimento (caso contrário, choro tanto que quase crio um rio!), muito menos se um desses filmes for uma comédia com o Adam Sandler onde as pessoas normais vão às lágrimas de tanto rir!

Ora, se esta onda de choradeira parva (que me tem importunado inúmeras vezes nos últimos tempos) vier para ficar, acho que vou ter que arranjar um patrocínio de uma qualquer marca de lenços de papel, ou então de várias marcas...

terça-feira, 11 de novembro de 2008

respirar

"...respirar fazia sentido..."

Sempre pensei que se estamos aqui, deve ser por alguma razão!
Hoje, essa certeza de outrora, parece-me tão distante....


RESPIRAR deixou de fazer sentido!

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

"E percebi que os sorrisos servem para uma data de coisas. Como por exemplo, para tapar buracos quando o mar das palavras se transforma em deserto."

Maria Teresa Maia Gonzalez

in: A LUA DE JOANA

sábado, 8 de novembro de 2008

Make a Day - IN



Porque acompanho o trabalho deles desde o inicio, e porque sei que merecem ver recompensado o talento...

"Fiquem bem, fiquem IN!"

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

RAP no HQMC

Ricardo Araújo Pereira em O Homem Que Mordeu o Cão

Este homem é simplesmente o humorista português que mais me tem feito rir ultimamente...

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

com certeza que sim

"Nunca discutas com um idiota. Ele arrasta-te até ao nível dele... e depois ganha-te em experiência."

domingo, 2 de novembro de 2008

Blindness

Não é uma obra que me fascina, à semelhança de todas as outras do seu autor.
O filme, parece-me, transparecer da obra a sua parte mais rica.
Talvez porque gosto os actores que fazem de protagonistas, ou talvez apenas porque SIM, este será um filme que me vai arrastar até à sala de cinema mais próxima...



quarta-feira, 29 de outubro de 2008

# À TUA!

"O QUÊ QUE FOI? NÃO TE RIAS DE MIM RI-TE PARA MIM /PARA TODO O ELEMENTO DO ANDAMENTO, TEJA FORA TEJA DENTRO,/[...]O PUTO MANDA UM CUMPRIMENTO"

à TUA!

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Mimos

"[...] és aquilo que, no auge da minha imaginação, sonhei vir ser! Um exemplo de mulher-menina cheia de força e coragem. Enfrentas a vida como ninguém, desafias-a! E quanto ela tem ainda para te dar...
Serás sempre aquela para quem correrei, seja para contar as peripécias da minha vida ou apenas para te abraçar! [...] Como sabes, nem sempre gostei de ti, mas cedo percebi que as forças que te afastavam de mim, nada mais era que inveja (da boa) da tua boa-disposição de todos os dias e que a presunção que julgava teres era fruto da minha imaginação! Conquistaste-me!" AMFG

O que é que eu te posso dizer, depois disto?!

Obrigada por tudo, ADORO-TE!


De castigo vais ter que me aturar para o resto da tua vida!

:)

terça-feira, 21 de outubro de 2008

Visões

Algures na edição Nº 815 da revista VISÃO perguntavam ao fundador da Escola Superior de Liderança Política Che Guevara (Dimitri Soin), o porquê do nome Che Guevara. A resposta não me surpreende: "É um caso raro de um revolucionário que chegou ao poder e não se tornou num burocrata"
Não podia concordar mais...
Não por acaso Tita Infante se referiu a Ernesto (Che) como sendo "[...] tão argentino como os maiores, foi quiçá o mais autêntico Cidadão do Mundo"

Tribunal

Morte ao caloiro!
O caloiro vai morrer!


Tribunal de praxe, manhã de gargalhada total!

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Parabéns!

Faz hoje, exactamente um ano, que andava eu meia atrapalhada sem saber o que se passava...
Fará amanha, pelas 3 da matina exactamente um ano que soube, Nasceu!

Já faz um ano... está tão grande a minha menina!

Hoje (como em todos os outros dias) ela é o centro do meu mundo!

PARABÉNS LARA!

terça-feira, 14 de outubro de 2008

Sábado é tempo de...

Que fazer num Sábado à tarde para expulsar o tédio que se apodera de nós?


Resposta simples. CINEMA CASEIRO!


Sábado foi tempo de (re)ver os filmes:



segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Medos!

Há pouco, numa das minhas habituais conversas, via msn, com aquele que considero ser um dos meus melhores - amigos - quase - irmão, cheguei a uma, não brilhante, mas creio que firme, conclusão. E passo a citar: Há quem tenha pavor da morte, eu tenho pavor da vida!
Porquê? Por todos os motivos e mais algum!
Porque a vida lá fora é uma selva! Porque a vida habitua-nos mal!
Porque oferece-nos o mundo e no dia seguinte puxa-nos o tapete e caímos no abismo...
É certo que nos fecha portas mas abre janelas, mas às vezes são tão altas que se pularmos, simplesmente estatelamos-nos no chão...
É, também, certo que se assim não fosse, a vida não teria piada nenhuma, mas às vezes não custava nada ser um bocadinho mais fácil...
Sou cobarde?! Provavelmente.
Mas este é o meu medo, e não o vou poder apagar, por isso vou ter que o enfrentar, logo vou ter que o viver....Paradoxal??
Talvez...

sábado, 4 de outubro de 2008

#

Ontem, toda uma angustia se apoderou de mim!
Parecia-me que, ao contrário do que acontecera em outros anos, a dor se esbatera. Talvez porque o ambiente meio alterado, ainda de festa e as conversas sobre as bebedeiras do dia anterior que se prolongava no dia presente e ainda o sono que teimava em impor-se, assim o pedia... mas na verdade a dor estava, só, a fintar o meu pequeno e angustiado coração!
A manhã passou a correr: aulas intermináveis para aqui, conversas ainda esgroviadas para ali... e a tarde também não se mostrou muito problemática.
Anoitecera e à medida que escurecia o dia, escurecia também o meu estado de espírito... Toda uma angústia se apoderou de mim, e a dor prevaleceu...
Veio camuflada, mas instalou-se como nunca em mim!
Paradoxalmente, a felicidade que me abraçava, em tempos, por este dia, veio fazer-me uma visita porque em dia de aniversário canta-se os Parabéns e apagam-se velas, e uma vontade incontrolável fez com que assim fosse!
Uma voz, que desconhecia ter, ouvi cantar em plenos pulmões!
Por ti, para ti.
PARABÉNS PAI!

quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Dor de alma...

Tenho andado preguiçosa...
A verdade é que , nos últimos tempos, sempre que me apetece escrever alguma coisa, o mar imenso de palavras afoga o meu cérebro!
Tenho a impressão de que depois de me esgalfenhar toda a nadar, morro na praia...
Estou exausta, não fisicamente, mas emocionalmente...
Valha-me a vida académica que está a começar em GRANDE!!!

Wicker Park

Try again - Lúcia Moniz feat Nuno Bettencourt

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Primeiro dia





Primeira praxe!!!
Depois há mais...
Logo que entrei fizeram - me uma bela pintura na cara!
La me levaram ao sitio certo. Filas de espera enormes....
Alguns degraus a cima (sim, porque caloiros não usam elevador!) uma sauna à nossa espera (ou no caso, eu é que esperei para entrar na sauna) e uns computadores muito bonitos mas cheios de erros informáticos por resolver!
Duas horas depois, já com matrícula e respectivos pagamentos efectuados, mais uma série de papelada preenchida, eis que chega a hora de ir embora... mas não de qualquer forma!
Desenganem - se, meus amigos! Primeiro há que fazer uma declaração de amor ao veterano mais próximo e esperar pela reacção dele, que no caso foi positiva.
Bom, é isto que me espera nos próximos tempos...

domingo, 14 de setembro de 2008

Mudanças

Hoje vim para Lisboa.
Fui colocada na Universidade no curso de Sociologia.
Não era bem o que queria, mas essa vai ser a minha realidade daqui para a frente (ou não).
Avizinha-se uma nova e grande etapa na minha vida...As saudades?! Bem, essas serão as mais difíceis...

quinta-feira, 4 de setembro de 2008

É nisto que somos bons!!

Que assim seja!

Factor Portuga

Há uns dias, um amigo disse-me que eu só consigo desenvolver um texto realmente bom quando estou triste. Pois que reflecti sobre o assunto e cheguei à conclusão de que a tristeza me faz sentir tão vazia que tenho que me preencher de alguma forma e escrever, parece-me, uma boa forma de o fazer! Ao contrário, quando me sinto feliz sinto-me tão completa que nem tenho palavras para descrever o que sinto, logo é com mais dificuldade que escrevo.
Há também o factor que designo como "factor portuga". Português que é português gosta de um bom drama, eu não sou diferente (ou às vezes sou, porque até nem sou nada dada a conversas de desgraças...). Agora, se os meus textos só são, efectivamente bons quando estou triste, ou não, não faço ideia, para mim são todos iguais, apesar das suas singularidades...

Palavras

Existem palavras que doem tanto ao serem ouvidas, como ao serem vistas!
Desculpa, mas teve mesmo que ser.
"O pior cego é aquele que não quer ver" e TU estavas a ser tão cego, que eu senti-me na obrigação de te abrir os olhos.
Quem dera poder, antes, arregala-los para que pudesses ter uma visão clara. Límpida, transparente!

quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Férias

Cá para estes lados anda-se bem!

Escaldada, mas menos branca :D

Pena é que as férias estão a acabar!!

quinta-feira, 21 de agosto de 2008

Férias no hospital!?

Isto há coisa...

Agora que estou livre da fisioterapia e a 3 dias de ir de férias, é que o pessoal cá de casa se lembrou todo de ficar doente!


:x

quinta-feira, 14 de agosto de 2008

Séries

Cá vai a lista de algumas das melhores Séries de sempre!



Criminal Minds





The X Files




Dexter




Bones




The A - Team




Hoje apetece - me: ver todas estas séries exaustivamente!

terça-feira, 12 de agosto de 2008

Sábado!

Sábado, 9 de Agosto de 2008:



05:30 H - Toca a acordar!

06:30 H - Hora marcada para sair da minha casa!

07:00 H - Hora a que chega a minha boleia, e por conseguinte hora a que saímos de minha casa ( supostamente hora a que o Bus arrancava)...

07:20 H - Partida do Bus.

08:30 H - 1ª paragem: Valença = pequeno -almoço!

10:00 H - S. Tiago de Compostela: visita (Não Guiada) ...

12:00 H - Almoço: lá para os lados de muito longe, num parque muito engraçado onde, por acaso, estava a decorrer um festival de verão!

14:30 H - Cruzeiro ( com direito a oferta de degustação de vinhos e mexilhões, ah pois é!!!)

18:30 H - Lanche na praia de Samil, Vigo.

21:30 H - Chegada a casa, com a parafernália de presentes para os devidos familiares!

O passeio fica assim concluído, mas o dia não!

Eu tinha dito que era para deitar tarde, logo ainda houve sessão de cinema (caseiro, mas houve!)


Gostei!



Hoje apetece-me: Repetir a proeza!

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

bem cedinho

Com alta pedalada, acordar cedo e deitar tarde.
Ver o dia nascer em terras alheias;
Passear de barco ( ou barquinho, ou barcão: ainda não sei);
Andar...andar e andar!
Andar muito!

Mas tenho certeza que vou gostar!

Amanhã bem cedinho...

quarta-feira, 6 de agosto de 2008

S - Club #2

Os Melhores Momentos




S Club 7 - Never Had A Dream Come True



S Club - Never Had A Dream Come True ( Viva S - Club)

S - Club

Hoje lembrei-me de uma série, da qual era espectadora fiel, que era transmitida na RTP2 quando tinha mais ou menos 8 anos...

A série chamava-se S - Club (7)!
A história de um grupo musical britânico de 7 elementos (por isso o nome S-Club 7) que se via com dificuldades a viver da música e por isso foram tentar as suas sortes nos EUA ( Miami, L.A., etc) e em Espanha (Barcelona) tendo que passar por muitos obstáculos às suas carreiras até mesmo superar a saida de um dos elementos da banda ( Passando agora, a banda, a chamar-se S - Club).

Para (re)lembrar aqui ficam os clip's das musicas

"Let Me Sleep" S - Club




"Reach" S - Club 7




E ainda... uma amostra da série ( dobrada em portugês [Brasil])





Hoje apetece-me: ver S - Club sem parar( no YouTube)!

domingo, 3 de agosto de 2008

#

Como é habitual, sempre que abro a minha caixa de correio electrónico deparo-me com ela entupida de e-mail's que são pura perda de tempo (ok, também tem alguns que são importantes, e outros que me dão prazer em ler)!
Bem, há uns dias recebi um e-mail em que era suposto responder a um inquérito que nos daria a conhecer o Q.I..
Por curiosidade, comecei a responder às questões, mas cedo percebi de que o resultado seria pouco credível, pois que uma das questões era "Qual foi a maior/ melhor prova de amor que lhe deram?" ora, esta questão suscitou em mim uma desconfiança: mas que raio tem a ver provas de amor com Q.I.???
Posto isto, percebi que este era mais um dos e-mais que recebo que só servem para me fazer perder tempo... Mas teve também um papel importante, pois pude reflectir sobre um assunto nada concreto: O Amor (filosofisses, portanto).
Pois que cheguei a uma conclusão, e ela é a seguinte: Não existem provas de amor. Amor ou se tem ou não se tem, sente-se, portanto.
Logo, a maior prova de amor que se pode dar a alguém, é amar!
E como não é possível ver ou medir sentimentos, não vejo como se pode provar a alguém o amor que se sente, muito embora se possa demonstrar...

Este, é então, o assunto em discussão nos próximos tempos!



Hoje apetece-me (#1): Discutir opiniões sobre o assunto deste post.
Hoje apetece-me (#2): ( Sobre os post's anteriores) recordar, porque recordar é viver!

U2 - One

U2 & Green Day - The saints are coming

Tiziano Ferro - Ti scatterò una foto

Maria Taylor - A Good Start

quinta-feira, 31 de julho de 2008

MUSICOL

É de conhecimento geral que a menina que por aqui escreve é musicodependente. Isso já não é novidade. A novidade, é que, para além de ouvir música a todo o instante e dedicar-se a estudar exaustivamente a história dos interpretes e a letra das músicas, agora se dedica também a cantar sem se aperceber!

A sorte é que canto tão baixinho que é quase imperceptível, em contrapartida quem me observa pensa que estou a falar sozinha...

Um dia destes ainda pensam que estou a ficar louca, o que, efectivamente, não será completamente errado!



Hoje apetece-me: (Saber) Cantar bem!

segunda-feira, 21 de julho de 2008

Patrice - Soulstorm

Já aqui tinha dito que os festivais de verão deste ano estão muito bons e o Delta Tejo não foi excepção...

Ali no Alto d'Ajuda, pertinho da casa da avó e ainda mais perto da Universidade para onde me candidatei!

Hoje apetece-me: ouvir Patrice até o raiar do sol!

Noite do Bowling

Sábado à noite...
Depois de uma passagem pela Festa d'Alegria em plena avenida central de Braga (rápida, porque não tenho pachorra para aturar gente aos gritos porque a Diana Chaves e outras que tal estão a desfilar...), fomos (eu, mana e respectivo marido, tio e tia) ao Bowling!
Ora, eu jogo muito mal, pelo que fiquei sempre em último lugar e ainda consegui fazer uma proeza e tanto: mandei a bola com tanta força (porque os dedos tinham ficado presos nela) que foi parar à pista do lado!
A sorte é que os jogadores do lado não se atrapalharam e tal como eu riram à brava!


Hoje apetecia-me: aprender a jogar bowling !

sexta-feira, 18 de julho de 2008

Tropa de Elite

Vi o filme e GOSTEI!

Gostei bastante.

Hoje apetece-me: Que o BOPE rebente com a cabeça do Bush e de outros que tal...

terça-feira, 15 de julho de 2008

Festivaleiros





Foi no ultimo Sábado que este senhor actuou no Optimus Alive 2008!


Este ano os festivais estão no seu melhor!



Hoje apetecia-me: Bilhetes para os próximos festivais!

Praias

Há dias em que o pensamento anda longe... O meu anda quase sempre longe, mas hoje, em especial!
Por tudo e por nada ando a divagar em assuntos que deveriam estar esquecidos (ou não), em assuntos que não têm interesse nenhum, sei lá, em tudo e mais alguma coisa!
Mudando de assunto, Domingo fui à praia (coisa pouco normal em mim) e como já é de conhecimento geral a relação da minha pele com o sol é comparável à relação do Diabo com a cruz, logo o bronze fica para alguém, que não hei-de ser eu : x
Bem, fica o mar maravilhoso, que eu adoro e os mergulhos na água bem gelada para descontrair!
Hoje apetecia-me: Que o raio do PC funcionasse direitinho e desse para ver o raio do filme!

sexta-feira, 11 de julho de 2008

SBSR (LISBOA)







Felizmente a Antena 3 existe!






Acabo de ouvir o concerto em directo do MIKA no SBSR (via Antena 3)!






Estou em autentico furor... Um concerto cheio de power, mesmo aqui em casa!



A festa da Pop!!!






Ainda por cima fala português, o rapaz (ao que parece, morou em Portugal durante uns tempos, quando a mãe fugiu de casa, mais propriamente do pai do Mika, e se alojou num hotel no Estoril).






Maravilhoso!






E a versão (do Mika) de JUST CAN'T GET ENOUGH (Depache Mode) foi fantástica!




Continuo extasiada com este concerto!






Nota: As fotos foram retiradas do site da Antena 3

segunda-feira, 7 de julho de 2008

O Dia D

É HOJE o dia D!

Que medo!

para já ainda não se podem adiantar resultados, logo se verá...

Isto dá cabo dos nervos!


:x

quinta-feira, 3 de julho de 2008

Favas

Já não me tratavam por essa alcunha Há anos...
Só a mantenho como nome no 'DENTINHO AZUL' do telemóvel, mas poucos são os que lhe ligam...
Quando vou descansada pela rua e ouço alguém chamar-me (pela tal alcunha)...Grande surpresa a minha, primeiro porque pensava que já nem se lembravam de mim, afinal já lá vão uns aninhos e não temos mentido contacto,e depois porque pensei já se terem esquecido da alcunha!

"Ò Favas!"

Afinal o tempo não apaga tudo, pelo menos não apaga as 'VEGETALADAS'!


Bons tempos...

terça-feira, 1 de julho de 2008

(BOA) MÚSICA PORTUGUESA

Estou chateada?! Claro que estou!

Quando as pessoas querem tapar os ouvidinhos e não ouvir o que os outros têm para dizer, é muito mau sinal.
Querem a toda a força que eu mude de opinião e nem sequer ouvem a minha...Pois vou aqui escrever: EXISTE SIM BOA MÚSICA PORTUGUESA (RECENTE)! Já que as pessoas que decidiram tirar-me do sério dizem que a boa musica que se fazia em Portugal morreu aquando da morte dessa senhora do fado Amália Rodrigues.

Querem prova disso?
Então, aqui ficam algumas, sabendo que muitas faltavam aqui postar...



Per7ume - Intervalo




Classificados - Rosa (do teu jeito de ser)




Klepht - Por Uma Noite




Rita Redshoes - Hey Tom





Visto que são todos artistas revelação, pode dizer-se que a música portuguesa de hoje, é boa sim!
(ou não, mas tenho quase certeza que gostas tanto quanto eu, Sr Martins)

O Dia

Domingo, 29 de Junho de 2008, dia de um brilhante sol!



Sempre gostei de Natureza e campismo e pique-nique's e praias e lagos e lagoas e todas essas coisas...como tal tive que andar a chatear todos cá em casa para fazer um pique-nique, já que não o fazia há tanto tempo e sem eles não vou a lado nenhum (ou não)...

Consegui, de facto, convencer a famelga a ir ao Gerês, que por mais que lá vá, não me canso!

Parece sempre novo.



O dia correu bem (fora alguns pequenos incidentes, que rapidamente se esquecem, dada a situação); Durante a manhã estivemos perto de Pedra Bela, num daqueles parques destinados a pique-nique's com direito a mesas e bancos, parque infantil e tudo mais, durante a tarde e depois da ida ao café para beber a bela da bica, passamos pela Barragem e abancamos por ali perto, para jogar uma partidinha de futebol ( eu para ver jogar =) e umas quantas de patanca, e claro para moer mais qualquer coisinha antes de voltar a casa.




Há dias assim, podem nem ser nada de especial, mas aquecem-nos o coração...

domingo, 29 de junho de 2008

filmes

Ora ca está o URL da lista de filmes, com as respectivas pontuações por mim atribuidas



http://www.cinema.ptgate.pt/listas/9532.

Dia de Domingo

Amanhã o dia promete...

E eu prometo, logo que possa, escrever um post sobre o dia!

Quero, mesmo, que tudo corra bem. Que tudo seja perfeito!

Daqueles momentos que parecem saídos de uma qualquer história ficcional!


São os meus desejos...

sábado, 28 de junho de 2008

Ribeiro, Bigode?! Nah...

Acabo de descobrir este teste, através de um Blog conhecido ;)

E...


Se eu fosse UM JOGADOR DE FUTEBOL DOS ANOS 80 COM BIGODE, seria o RIBEIRO...




Já se fosse uma Ponte seria...






Mas ( e agora vem a parte que eu mais gosto!) se fosse uma personagem do "Sexo e a Cidade", seria:







É... talvez sim, talvez não...

Testes, são testes!

quarta-feira, 25 de junho de 2008

Sem Tempo

Ando sem tempo para escrever, às vezes parece que até para respirar...

De volta à fisioterapia, com a minha Joelhite Crónica [:D], num horário anormal que me rouba o m eu precioso tempo, porque preciso de sair de casa às 16horas para estar lá às 17 horas e saio de lá às 18horas para chegar a casa às 19horas....

Bem como ando um bocadinho atarefada durante a semana (principalmente esta, enquanto não me adapto ao novo horário) fica aqui prometido para o fim de semana um post decente!

quarta-feira, 18 de junho de 2008

Perfeição *

Música Fantástica; Publicidade Duplamente Fantástica*


Música: "The Story"- Brandi Carlile (clip na versão Anatomia de Grey)



Publicidade: Super Bock (versão completa)

segunda-feira, 16 de junho de 2008

slide show - filmes bonzinhos!

Depois do gostinho amargo da derrota de ontem, valha-nos o jogo de 5ª-feira, por favor!!

Mas não é para falar de futebol que cá vim!
A pedido de várias famílias (ou não, afinal foi só de uma!) cá vim eu dar a conhecer a lista de alguns cartazes dos filmes que vi (e que adorei) no slide Show!


sexta-feira, 13 de junho de 2008

As Maravilhas do Rock in Rio 2008 # 2

Metallica - Nothing Else Matters <3




Muse - Time is Running Out





Rod Stewart - Baby Jane (a coreografia mata-me!)





As restantes maravilhas, no 3º episódio, chegam daqui a pouco!

quinta-feira, 12 de junho de 2008

Asa Livre

ASA LIVRE - PÓLO NORTE
[Miguel Gameiro]





Como um pássaro que vai
Quando uma porta se abre
Não olhes prar trás e vai depressa

Como a noite quando cai
Abraçando a cidade
Deixa simplesmente que aconteça

Abre as asas e vai
Das tuas asas as minhas também
Abre as asas, eu fico bem

Como um barco que se afasta
Duma das margens do rio
Não há um só lado na vida

Quando um beijo já basta
Corpo quente em corpo frio
Deixa que aconteça a despedida

Abre as asas e vai
Das tuas asas as minhas também
Abre as asas, eu fico bem

E que a despedida
Seja só o recomeço
Livre asa solta
Voa alto, eu não te esqueço

Abre as asas e vai
Das tuas asas as minhas também
Abre as asas, eu fico bem




Sei, quase com certeza, que ias gostar desta música tanto quanto eu!

Hoje não é um bom dia. Não para mim!
Estou cansada de ver pessoas!
Cheguei a um ponto, em que ver pessoas (algumas, vá) me enjoa!

Que saudades daqueles teus abraços sem porquês!
E da tua voz, e do teu cabelo sem corte!
Que saudades amigo, que saudades!













[Quero-te aqui comigo, Estrela*]

terça-feira, 10 de junho de 2008

As Maravilhas (algumas, vá) do Rock in Rio 2008

Linkin Park - Faint



Bon Jovi - Livin on a Prayer


Lenny Kravitz - I'll be waiting

A verdade é que faltam aqui muitas maravilhas!

E decepções também!

o Baile xD

Estávamos lindos!

Todos arranjadinhos, parecíamos acabadinhos de sair de uma história de encantar...
Sei que alguns vou perder de vista. Talvez os encontre, por acaso, um dia por aí...
Outros, espero saber, sempre, das suas vidas!
De qualquer maneira espero que a sorte esteja sempre à nossa espera, que nos sorria!




"Façam o favor de serem felizes!"


<3

sábado, 31 de maio de 2008

tudo muda o tempo todo no mundo

"Nada do que foi será/De novo do jeito que já foi um dia/ [...]/Tudo muda o tempo todo no mundo/Não adianta fugir/Nem mentir a si mesmo..." Pólo Norte, Como Uma Onda





Tantas coisas aconteceram nestes últimos dias...



Para grande desilusão minha, Os Azeitonas cancelaram o concerto cá na terrinha;

A apresentação de Área de Projecto já aconteceu, e foi o que foi (sem mais comentários!);

As aulas estão quase, quase no fim...

Está tudo a acontecer tão depressa, e só agora me dei conta de que vou ter saudades...

...De que não aprovei em quanto pude, agora já é tarde!

sexta-feira, 16 de maio de 2008

The Cure - Friday I'm In Love

The Cure - Friday I'm In Love

I don't care if Monday's blue
Tuesday's grey and Wednesday too
Thursday I don't care about you
it's Friday I'm in love


Monday you can fall apart
Tuesday Wednesday break my heart
Thursday doesn't even start
it's Friday I'm in love


Saturday wait
and Sunday always comes too late
but Friday never hesitate


I don't care if Monday's black
Tuesday Wednesday heart attack
Thursday never looking back
it's Friday I'm in love


Monday you can hold your head
Tuesday Wednesday stay in bed
Oh Thursday watch the walls instead
it's Friday I'm in love


Saturday wait
and Sunday always comes too late
but Friday never hesitate


dressed up to the eyes
it's a wonderful surprise
to see your shoes and your spirits rise
throwing out your frown
and just smiling at the sound
and as sleek as a shriek
spinning round and round
always take a big bite
it's such a gorgeous sight
to see you eat in the middle of the night
you can never get enough
enough of this stuff
it's Friday
I'm in love

Numa completa confusão define-se, hoje, o meu estado de espírito.

Há uma mescla de sentimentos!

Se por um lado me sinto feliz, pelo outro, não existe dia mais triste. Contudo, pode dizer-se que o balanço é positivo!

Afinal, it's Friday!!!

quinta-feira, 15 de maio de 2008

Os Azeitonas

Não caibo em mim de alegria!!!

Então não é que OS AZEITONAS vêm a Cervães city!!! ( p'a quem não sabe, Cervães fica no concelho de Vila Verde, Braga)

Pois é, dia 7 de Junho por volta as 23horas no Sala D'ensaios, já estou lá batidinha!!!

Bora lá treinar:


" (...) sinto-me um tanto ou quanto atarantado ( tsu, tsu) ao teu lado
És como tatuagem que não sai toda a tentativa é vã
Estar contigo e eu então ficar
Um tanto ou quanto atarantado (...)"






Um Tanto ou Quanto Atarantado






Atarantado Mix






BibÓ' s Azeitonas, Caragoo!! =)

segunda-feira, 12 de maio de 2008

Estrela maior *

Na semana do teu aniversário...
...sinto-me triste, porque não estás aqui comigo, porque não posso compartilhar contigo a alegria dos teus 20 anos!
...sinto-me contente, por ti, porque sei que estejas onde estiveres, o dia do teu aniversário é uma data especial e os 20 anos têm um grande significado para ti!
...sinto-me traída, porque a figura em que durante anos acreditei, resolveu, um dia, roubar-te de mim sem me dar explicações!
...sinto-me apática, porque não tenho vontade de mover uma palha, consequência da tua ausência!
...sinto-me frustrada, porquê tu, porquê??
...sinto-me indignada, porque estava à espera desta idade para saber o porquê dela ser tão especial, e agora não vou poder saber!
...sinto-me no fundo do poço, porque me falta o teu apoio, porque me faltas tu*
Que saudades sinto tuas!
Que saudades, minha ESTRELA*
Quem dera poder ter-te aqui nem que fosse por apenas uns momentos...
Quem dera ter podido falado contigo, dizer-te tudo o que tinha para te dizer...
Quem dera que o sorriso que iluminava esse teu rosto, e radiava alegria, voltasse a brilhar...
Quem dera que o tempo voltasse atrás...
Quem dera...
Olha por mim...
Olha por mim e dá-me um help, um não, vários!!!
Não me abandones, não agora que tanto necessito do teu apoio, de ti!
És e serás sempre o meu porto-seguro, tu sabes!
A minha estrela maior, a minha estrela-guia!
Obrigada por teres estado sempre ao meu lado, sobre tudo nos momentos bons, porque os maus não condizem connosco!
O teu aniversário está a chegar, e eu não o vou festejar, não vou sequer pronunciar-me sobre ele no dia, pelo que estou a fazê-lo hoje.
Em todos os dias, mas em especial no dia 16 de Maio, o meu coração bate forte, de emoção, numa mescla de sentimentos confusos, que vão da revolta à alegria, sempre que penso em ti, porque todos os dias penso em ti, mas o simples facto de teres vindo ao mundo nesse dia, faz com que esse dia acarrete um significado grandioso...
Talvez um dia esses sentimentos se esmoreçam, talvez um dia me esqueça de me lembrar de ti, talvez um dia este dia não signifique mais aquilo que significa hoje, talvez... como posso ter eu certeza?!
A única certeza que tenho e a de que vais ter sempre um lugar garantido no meu coração, haja o que houver!
[eles vêm aí...]